Analisar necessidade de treinamento usando Project Model Canvas

Analisar necessidade de treinamento usando Project Model Canvas

Iniciar um projeto de e-learning/universidade corporativa /programa de treinamento não é exatamente a coisa mais fácil de se fazer, pois é preciso reunir informações relevantes, pessoas interessadas, objetivos comuns aos objetivos do negócio e por aí vai. Isso pode ser doloroso ou não, mas você sabe, né? “a dor é inevitável, o sofrimento é opcional” Definitivo – Carlos Drummond de Andrade Então quero compartilhar com você uma forma mais interessante de fazer isso, de maneira colaborativa, visual e com ganho de tempo: usando o PM Continue lendo

CBTD17 Eu fui e te conto como foi!

CBTD17 Eu fui e te conto como foi!

No final da semana passada aconteceu, em Santos, o Congresso Brasileiro de Treinamento e Desenvolvimento – CBTD, do qual tive a honra de fazer parte da Comissão Científica com uma equipe sensacional. O evento é organizado anualmente pela ABTD e está na 32ª edição. Isso por si só já diz muita coisa! A ABTD está repleta de gente mestre em receber pessoas! E a organização foi impecável! Desde a recepção no aeroporto de Congonhas, lá no Congresso, no hotel… todos os detalhes foram cobertos. O Continue lendo

Modelo ADDIE: Avaliação do projeto

Modelo ADDIE: Avaliação do projeto

Chegamos à última etapa do Modelo ADDIE, o E de Evaluation, Avaliação. Até agora analisamos conteúdos e necessidades, desenhamos uma solução de capacitação, desenvolvemos o curso e os recursos necessários, implementamos o treinamento garantindo que tudo estivesse perfeito, agora vamos avaliar a solução implementada sob alguns pontos de vista: o da solução, o do aluno, o da performance ou outro critério que seja pedido pela sua organização. Um aliado muito importante aqui é o módulo de Relatórios do seu LMS, é ele que vai te Continue lendo

Modelo ADDIE: Implementação da solução

Modelo ADDIE: Implementação da solução

Então você analisou conteúdos, desenhou solução, desenvolveu o curso e agora é a hora de colocar o curso para funcionar! Chegamos ao I do ADDIE: Implementação, quando os alunos passarão a interagir com a solução que você criou. Você como Designer Instrucional pode ter diferentes papéis nesta fase: – homologar o curso no LMS; – viabilizar fóruns ou outros recursos de interação aluno x professor; – coordenar a logística de entrega de materiais de apoio ou de comunicação do curso; – apoiar a comunicação do Continue lendo

Modelo ADDIE: Desenvolvimento da solução

Modelo ADDIE: Desenvolvimento da solução

Agora que você já sabe o quê (Análise) e como (Design), é hora de partir para a ação! Nesta fase, se o desenvolvimento do curso for interno, o Designer Instrucional vai dar à vida ao roteiro utilizando ferramentas de autoria; se o desenvolvimento for externo, o DI vai coordenar o processo junto ao fornecedor. Os objetivos desta etapa são: – desenvolver o curso; – aplicar Qualidade Final; – testar o curso em turmas-pilotos, se previsto. Desenvolvimento Tenha em consideração os seguintes aspectos: – interação do Continue lendo

Modelo ADDIE: o D de Design

Modelo ADDIE: o D de Design

No post anterior falei um pouquinho sobre o Modelo ADDIE e tratei o A de Análise. Hoje trago o primeiro D, de Design. E neste caso, design não tem a ver com desenho, como muitas vezes é traduzido. A Prof. Vani Kenski explica isso muito bem na introdução do seu livro Design Instrucional para cursos on-line ao falar sobre o Design Instrucional, e aqui se aplica mesmo: “…foi no idioma inglês que [design] ganhou o sentido atual – que é o processo de dar origem Continue lendo

Modelo ADDIE: 7 pontos de Análise

Modelo ADDIE: 7 pontos de Análise

Esse é o primeiro post de uma série sobre o ADDIE, em cada um vou falar sobre uma etapa desse processo. Vem comigo! O Modelo ADDIE é o mais usado no processo de produção de e-learnings, simplesmente por que ele é simples, fácil de entender, flexível e lógico. É o meu modelo preferido ❤, mas isso não quer dizer que não há desvantagem: é um processo longo para os tempos atuais de projetos ágeis… mas sua flexibilidade ainda pode dar um jeito nisso, dá pra Continue lendo

Como fazer cronogramas com GANTTER

Como fazer cronogramas com GANTTER

Como você gerencia o cronograma dos seus projetos? a. Excel b. Caderno c. De cabeça d. Que cronograma? Hoje eu quero te dar uma dica de app gratuito para te ajudar com isso. Gravei um videozinho maroto pra te mostrar. Vem comigo! Ficou alguma dúvida? Me conta aqui nos comentários.